Pode o Subalterno Filmar? Cinema Africano e Luta Anticolonial nos Anos 1960

Imagem do livro Pode o Subalterno Filmar? Cinema Africano e Luta Anticolonial nos Anos 1960
Título: Pode o Subalterno Filmar? Cinema Africano e Luta Anticolonial nos Anos 1960
Área do Conhecimento: Ciências Humanas
ISBN: 978-65-89929-14-7
DOI: 10.53268/BKF21090600
Publicado: 01/09/2021

Este livro é o fruto de minha pesquisa de mestrado em Sociologia iniciada em 2012 e finalizada em 2015 na Universidade Federal de Pernambuco. Neste período, estive interessado em entender as dinâmicas sociais e culturais presentes naqueles países chamados, muitas vezes, pejorativamente de “terceiro mundo”. Ou seja, eu me propus entender o que de fato tem sido produzido em termos políticos e poéticos em países que viveram a experiência do processo colonial – desde uma perspectiva decolonial e/ou pós-colonial. Inicialmente, meu olhar esteve voltado para a América Latina e as dinâmicas de produção cinematográfica do chamado Nuevo Cine Latinoamericano. Durante essa experiência inicial, depareime com algo até então insólito, mas ainda pouco questionado: a ausência de estudos sociológicos a respeito da produção cinematográfica africana. Recordo-me de que a atenção dada à produção literária africana naquele momento, gozava de relativo prestigio dentro da academia, com obras de autores angolanos e moçambicanos sendo traduzidas e estudadas em departamentos de sociologia e literatura. Porém, o cinema africano, com raras exceções, ainda permanecia um tema marginalizado e pouco discutidoentre nós, sociólogos e estudiosos. A pesquisa buscava, portanto, abrir novas possibilidades de analise dentro do campo de investigação sobre arte e culturade uma perspectiva periférica e não hegemônica. Agora com a publicação deste livro, tem-se a possibilidade de um público não acadêmico poder ler eimergir nesse mundo hoje um pouco mais debatido que em 2012, mas ainda longe de ter o merecido reconhecimento.

Dúvidas? Fale ConoscoImagem de icone Whatsapp